Só faltam 20 dias para transformar Landfill Harmonic em filme!

25 04 2013

Você já ouviu falar do projeto Landfill Harmonic? Ainda não?

O Landfill Harmonic é um documentário lindo sobre uma orquestra feita de lixo.

Todos os dias aproximadamente 1,500 toneladas de lixo são despejadas nos arredores do Rio Paraguai. É lá que fica a comunidade carente de Cateura.

Formada por várias famílias que sobrevivem separando, reciclando e vendendo o que conseguem recuperar no meio do lixo. Foi assim que um músico que trabalha nessa comunidade resolveu criar instrumentos musicais fabricados com coisas encontradas no lixão. Favio Chavez começou essa linda aventura ensinando as crianças locais a tocar instrumentos e formou a primeira orquestra do lixão. Um projeto inspirador que com certeza proporcionará um caminho mais digno em meio a essa triste realidade.

Landfill harmonic Cello

O projeto deu vida a um documentário chamado Landfill Harmonic e o teaser mostra como Chávez esta mudando a realidade dessas crianças e de suas famílias. Eu já fiquei emocionada com os olhos cheios d’agua vendo o teaser, não vejo a hora de assistir o documentário completo!

Você também pode colaborar com o projeto que esta no Kickstart. Eu já contribui doando o que eu podia. Não precisa doar muito $1 já ajuda a causa.

Clique aqui para ajudar.

Clique aqui para assistir o trailer

Landfill Harmonic Tania

Esse belo projeto não está somente transformando vidas mas é também uma forma de proteger o meio ambiente. Lixo reciclado vira musica, transforma vidas e emociona pessoas pelo mundo a fora. Esse projeto merece seu apoio.

Eu já fiz minha doação agora é sua vez! Só faltam 20 dias para transformar esse projeto em realidade! Vamos lá!





Only 20 days left to back up the project!

25 04 2013

Do you know the Landfill Harmonic project?

A documentary about the story of the people of Cateura, Paraguay, a slum built on a landfill where residents pick through trash to make music instruments. Imagine a cello made of oil can? That’s amazing! The orchestra, its creator and the players are an example of human strength, solidarity, creativity and truly give hope in a better future.

Landfill harmonic Cello

This project will become reality only if we show our support. The Landfill Harmonic is part of the Kickstart project and if like me you too become a “Backer” a movie about this inspiring project will be released soon. This project is not only changing lives but it also contributes to a better environment. All instruments are recycled, literally made our of trash. Let’s help these kids to have hope and inspire a better future through the music.

Landfill Harmonic Tania

C’mon show your support! CLICK HERE NOW TO BACK UP THE PROJECT!

Landfill Harmonic: Inspiring dreams one note at a time! Click here to watch the trailer.

I’ve made my donation today and I hope you too will show your support.

Only 20 days left to back up the project!





Everyday is Earth day!

23 04 2013

I saw a lot of people commenting about Earth Day on Facebook, Twitter, Pinterest and personal blogs. It’s good, but does everyone incorporate sustainability in their daily lives? I really hope that people get more conscious about sustainability and use it in their day to day life. I know it’s hard, but we can do it slowly, step by step…

Reducing the time in the shower, closing the tap when brushing your teeth, recycling as much as you can, driving less and walking more… all these small things are easy to do. I can do it, you can do it! So let’s make Earth day EVERYDAY!

 

Everyday is Earth day!

Everyday is Earth day!

 





Já pensou em comer o palco depois da peça de teatro?

10 04 2013

No outro dia eu fui com um amiga assistir a uma palestra sobre sustentabilidade apresentada pela comunidade de arquitetura e design de Melbourne. O evento foi realizado num barzinho meio estilo hippie chamado Section 8 que fica na cidade de Melbourne, na Austrália.

Earthly Activation

Foi um fim de semana bem legal, muito calor, verão bombando e varias coisas legais acontecendo na cidade. Haviam vários festivais entre eles o “Food & Wine Festival” – Festival de comidas e vinhos,  também tinha um festival de musica e dança húngara e por fim o “Sustainable Food Festival” onde haviam palestrantes bastante interessantes que falaram sobre comida sustentável e comidas orgânicas.

Uma das palestrantes explicou como funciona o sistema de rótulos e certificações de produtos orgânicos aqui na Austrália. Muitas marcas se dizem orgânicas, mas na realidade não são nada disso. Existem muitas falhas no sistema que ainda é muito recente. Foi uma discussão bem interessante e eu aprendi bastante coisas sobre os sistemas alimentares tradicionais e orgânicos aqui da Austrália. Mas o que eu realmente amei foi a apresentação Tanja Beer sobre “Living Stage” ou seja palco vivo.

The Living Stage

The Living Stage

A apresentação de Tanja foi realmente surpreendente! Eu nunca ouvi falar sobre esse conceito de “Green Theatre” (teatro verde) ou “Living Stage” (teatro vivo). O “Teatro Verde” oferece soluções sustentáveis ​ para apoiar a ética do “design ecológico” através do teatro e das artes cênicas. Tanja diz que a idéia principal é mostrar para a comunidade que é possível criar projetos artísticos originais e idéias com efeito mínimo sobre o meio ambiente.

Tanja compartilhou sua experiência com o público e explicou como ela começou a integrar a sustentabilidade em seu trabalho. Ela apresentou o conceito de “Teatro Vivo” que é um conceito eco-cenográfico, que combina design do palco, permacultura e envolvimento da comunidade para criar um espaço de atuação reciclável, biodegradável e comestível. Ela utiliza plantas, vegetais, frutas, saladas, etc.

Imagine uma peça de teatro onde no fim você pode, literalmente comer o palco?! Eu achei isso uma viagem! Um projeto muito louco que tem tudo para dar certo. Alias aqui em Melbourne já esta dando certo! Eu nunca tinha visto isso antes e achei essa ideia o máximo!

Em vez de usar materiais de construção tradicionais para construir o palco, Tanja usa materiais reciclados, plantas e uma horta que é cultivada pela comunidade. Ela contou que os atores também brincam com os elementos vivos no palco interagindo com o público. Com certeza deve ser uma experiência extraordinária para o publico que assiste a essas peças bastante originais!

photo

Ela trouxe algumas saladas de um de seus “Palcos Vivos” para sentirmos o gostinho de um palco comestível! A salada fresquinha estava deliciosa. Eu tenho apenas uma coisa a dizer! Tanja realmente faz um ótimo trabalho! Na minha opinião esta é uma forma bonita e criativa de integrar a sustentabilidade com design e artes cênicas. Parabéns Tanja pelo seu trabalho maravilhoso!

Se você quiser saber mais sobre as criações de Tanja e seu trabalho com o palco verde, visite http://tanjabeer.com/

Como diz Regina Casé, Palcos vivos vem com tudo!








MPJ

Vida, espere. Não me cobre, tudo ao seu tempo, aos novos tempos.

Raanan Bar-Cohen

all about the Partnerships

Boudoir De Garota

Isabel Fagundes

Atitude Eco - Ativismo e sustentabilidade

Ativismo, mobilização, comunicação e sustentabilidade

My Food And Flowers

Two of the Great Joys in Life!

%d bloggers like this: